As Borboletas Azuis

A Energia Psíquica em Sigmund Freud e Carl Gustav Jung
5 de fevereiro de 2019
Coaching, afinal do que estamos falando?
19 de fevereiro de 2019

As Borboletas Azuis

As borboletas azuis precisar voar.

Só na imensidão dos céus encontram abrigo.

Livres das armadilhas dos metais pesados,

Longe da poluição e dos perigos.

As borboletas azuis precisam viver,

Além dos limites do tempo e do espaço.

Romper as ilusões do corpo e da mente,

Morrer e viver, existir e partir,

Sem fantasmas, sem medo,

Sem nenhum embaraço.

As borboletas azuis precisam sentir.

Não precisam entender, apenas sentir.

Sem as amarras da repressão.

A jornada da alma, na aventura do amor,

A metanóia  da transformação.

São Paulo, Primavera de 2018.

Antonio Maspoli

Antoni Maspoli
Antoni Maspoli
Sou Antonio Maspoli, cidadão do mundo, Teólogo e Psicólogo. Deus é a minha herança pessoal, meu caso de amor! Deus encantou-me com o a sua presença. E abriu-me as porta do conhecimento do numinoso: "Eu cri, por isso compreendi" (Agostinho). Desde então dediquei a minha vida a conhecer a Deus. E a minha existência a compreender a natureza humana.

Deixe uma resposta

Espaço para interações e depoimentos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *